Prontos para aquele momento de inspiração pré-feriadão? Pois bem, lembram-se da história da garotinha Chloe Bridgewater, de 7 anos, que enviou uma carta dizendo ser fã da Google e um dia gostaria de trabalhar por lá? Bem, além daquela espirituosa carta de resposta do CEO Sundai Pichai, ela recebeu outro grande incentivo para realizar seu sonho: a startup londrina Kano contratou a menina para testar seus produtos e enviar o feedback sobre os gadgets.

A empresa britânica encaminhou seu kit, algo como uma mistura entre LEGO e um circuito Raspberry Pi, que simula como funciona a montagem oficial de um computador, com direito a centenas de códigos de programação. As irmãs Chloe e Hollie, então, montam e desencaixam, criam e abusam da criatividade para explorar as possibilidades dos produtos e encaminham suas opiniões para os membros do conselho de inovação da companhia — parece até coisa do filme “Quero Ser Grande”.

A família de Chloe reunida

“O que gostamos de dizer às nossas filhas é que não há nada que você não possa fazer. Não há porque ter medo de falhar e se isso acontecer você vai aprender muito”, disse o orgulhoso pai, Andy Bridgewater, técnico de uma empresa de refrigeradoras que encaminhou o pedido da filhota à Gigante das Buscas para aumentar a autoestima da baixinha após atropelamento que ela havia sofrido.

Confira no vídeo abaixo e restaure sua fé na humanidade: