Uma nova campanha de reciclagem feita pela startup triciclo pode finalmente estar trazendo aquele empurrãozinho que faltava para que as pessoas pensem duas vezes antes de jogar suas garrafas e latinhas em uma lixeira qualquer. A solução veio na forma da Retorna Machine, uma enorme máquina que permite a você “trocar” invólucros de bebida por benefícios e produtos.

Como você pode conferir no vídeo abaixo, a ideia da Retorna Machine é bastante simples. Basta criar uma conta no serviço da triciclo através da própria máquina (ou por um app para celular) e colocar garrafas plásticas, latas ou copos descartáveis (todos devem estar vazios, obviamente) com tamanhos de 350 ml a 2,5 L na entrada de descarte.

O equipamento, por sua vez, lê o código de barras do produto (que deve estar legível e voltado para cima para ser identificado pela máquina) e credita pontos equivalentes à sua conta. Latas valem 15 pontos, enquanto garrafas valem 10, e cada cem pontos acumulados são revertidos em benefícios à sua escolha. Para evitar problemas com pessoas querendo abusar do programa, só é possível descartar 10 itens por dia, por conta.

A ideia de um sistema de reciclagem como esse não é exatamente inovadora, vale notar. Em alguns países do mundo, como França e China, programas de reciclagem semelhantes já existem; na Alemanha, por exemplo, é possível trocar sua garrafa PET por alguns centavos de euro. Mas no Brasil, a ideia é completamente nova – e bastante promissora.

As vantagens de fazer a coisa certa

Muitos a esse ponto devem estar se fazendo uma mesma pergunta: o que pode ser feito com os pontos acumulados com a Retorna Machine? Até o momento, as opções são um pouco limitadas, mas ainda assim bastante interessantes. São três possibilidades, no total:

  • Recarregar os créditos de seu Bilhete Único;
  • Ganhar descontos na conta de luz;
  • Ganhar descontos na compra de produtos da rede Saraiva.

Podem ser poucas opções, por enquanto, mas a triciclo já está trabalhando para aumentar esse leque. Créditos para seu chip pré-pago e seu vale alimentação estão atualmente nos planos da empresa, bem como vários outros serviços que devem totalizar em torno de 15 usos diferentes para os pontos da Retorna Machine.

Vale notar que esse é só o começo dos planos da triciclo para sua máquina. A startup também pretende usar o sistema como um meio de interação entre o público e diferentes marcas, permitindo às empresas realizar campanhas mais atraentes para o consumidor – digamos, por exemplo, usar o sistema de detecção para que uma companhia de bebidas ofereça uma pesquisa de opinião por alguns pontos extras quando uma garrafa de sua marca for jogada.

Interessou-se pelo projeto? Infelizmente, as Retorna Machines ainda estão operando de maneira bastante limitada: segundo o site oficial da empresa, só cinco máquinas estão em funcionamento – todas na cidade de São Paulo, vale notar –, mas esse número deve crescer em breve, visto que a triciclo planeja ter 20 equipamentos ativos até o fim de 2015. Vamos torcer para que, além de ser um sucesso, esse projeto ainda acabe chegando a outras cidades.

Você acha que a Retorna Machine vai conseguir incentivar a reciclagem em São Paulo? Comente no Fórum do TecMundo