Os usuários vão poder traduzir em tempo real apresentações criadas no software 

A conferência anual da Microsoft focada em engenheiros de software e desenvolvedores para web está acontecendo em Seattle, nos Estados Unidos, e sendo transmitida ao vivo via streaming para todo o mundo. Na Build 2017, a empresa fundada por Bill Gates está revelando novos serviços de computação em nuvem para inteligência artificial, e um deles vai mudar a maneira como realizamos apresentações usando o PowerPoint.

No evento, Harry Shum, vice-presidente executivo da Microsoft Artificial Intelligence and Research, demonstrou o funcionamento de um novo recurso presente no PowerPoint. Com ele, os usuários vão poder traduzir em tempo real apresentações criadas no software. Essa ferramenta vai usar as novas APIs de tradução da Microsoft.

Harry Shum, vice-presidente executivo da Microsoft Artificial Intelligence and Research

Torre de Babel digital

O programa do pacote Office vai ser capaz de traduzir o texto inserido nos slides mantendo o layout predefinido, ou seja, não vai atrapalhar aquilo que foi planejado para a apresentação. Dez idiomas são suportados pela ferramenta, o que ainda não inclui a língua portuguesa. O recurso também vai além da tradução, inserindo, caso necessário, legendas para pessoas com algum impedimento auditivo.

Os espectadores vão receber um link por meio do qual poderão acessar a versão dos slides no idioma desejado

A tradução vai funcionar da seguinte maneira: em vez de os slides originais do apresentador receberem as alterações neles mesmos, os espectadores vão receber um link por meio do qual poderão acessar a versão dos slides no idioma desejado, sem afetar a versão inicial.