Durante a segunda edição da Campus Party Brasília, a montadora Ford lançou no país seu programa de mobilidade chamado de “Ford Lab: Mobilidade para Todos”. O projeto tem o objetivo de entender os principais desafios vividos pela maior parte da população – em especial a de baixa renda – dentro dessa temática.

Para o desafio, a empresa norte-americana formou uma parceria com a Artemisia, organização sem fins lucrativos especialista em fomentar negócios de impacto social. Com essa união, será possível a construção de uma base para o desenvolvimento da indústria de transporte no Brasil.

Tá, e o que isso vai mudar na sua vida? Bem, com isso, a iniciativa vai desenvolver dois projetos: a Tese de Impacto em Mobilidade e o Programa Ford Lab.

Tese de Impacto em Mobilidade

Esse projeto vai reunir informações sobre os desafios reais enfrentados pela população de baixa renda no Brasil. Esses dados poderão ser utilizados para incentivar empresas a apresentar soluções relacionadas às questões de mobilidade que atinjam todas essas pessoas.

O objetivo é fazer o cruzamento de informações entre problemas sociais e os interesses comerciais dentro da temática, tendo um olhar mais profundo sobre a mobilidade. Com isso, a montadora pretende ter insumos que apoiarão o desenvolvimento desses negócios. O lançamento da Tese de Impacto está previsto para o primeiro trimestre de 2018.

Programa Ford Lab

O projeto Ford Lab: Mobilidade para Todos envolve a identificação e a seleção de startups para um processo de aceleração, em parceria com a Artemisia. A proposta do programa é apoiar empreendedores com soluções inovadoras e com potencial de impacto social.

As empresas selecionadas terão acesso a ferramentas inovadoras, conteúdos exclusivos, conexão com outros empreendedores do setor e mentorias com especialistas de negócio.

As inscrições estão previstas para agosto de 2017 e o programa tem duração de seis semanas.

...

O apoio a negócios de impacto social faz parte da estratégia do Ford Fund, braço filantrópico da montadora.

Em abril, por exemplo, a entidade apresentou o programa “Ford Empower-HER”, projeto que incentiva startups comandadas exclusivamente por mulheres a desenvolver soluções e produtos que tenham potencial para tornar suas comunidades em lugares melhores para se viver.