Redbull te dá aaasaaaass”. Dificilmente alguém que assistiu à TV aberta passou incólume sem ouvir um anúncio da marca de energéticos. Sim, amigos do The BRIEF, a RB é a empresa-star desta edição por conta de como um dos seus fundadores, o austríaco Dietrich Mateschitz, leva a sério esse mote que já está grudado no nosso córtex.

Não que esse rigor slogânico seja algo desconhecido pelo mundo. Em 2012, a marca ficou conhecida ao patrocinar a empreitada do paraquedista Felix Baumgartner, que saltou da estratosfera para quebrar um recorde olímpico. A história, que virou case sobre como uma marca pode aplicar seus valores na vida real, é apenas um exemplo de como Mateschitz (um apaixonado por aviação, que faz questão de reembolsar as aulas de voo dos funcionários) está comprometido com a icônica frase como guia para as decisões tomadas internamente.

Mesmo crescendo em diversos mercados, a empresa resiste muito em buscar financiamento externo — provavelmente como uma forma de garantir independência e não ser “podada” por investidores mais conservadores. E essa liberdade criativa é aplicada em cada uma das suas unidades: os chefões de cada país têm liberdade para desenvolver estratégias que não estejam necessariamente ligadas ao setor de bebidas, mas que levem consigo o “DNA voador”.

A  Red Bull do Canadá, por exemplo, investe bastante no mercado da música,  produzindo e patrocinando conteúdos e iniciativas sobre o mercado. Já o escritório no Reino Unido tentou lançar produtos como o Simply Cola (um drink de cafeína) e o Carpe Diem, uma bebida com uma pegada mais saudável. Isso sem falar no Red Bull Media House, braço da marca focado no setor de mídia, patrocinando esportistas radicais e equipes esportivas — como o time de futebol que ela mantém em São Paulo.

A história é legal porque nos lembra de um ditado que ouvimos recentemente e que achamos supimpa: é importante se apegar ao valor que se deseja transmitir, e não ao produto ou serviço oferecido no momento. Assim, você não fica refém das ~mudanças do mercado~ e consegue criar coisas realmente legais com a sua marca. Seja aqui ou no céu.