Unir quem gostaria de ter uma companhia para fazer atividade física com aquele que precisa aumentar sua renda é o propósito da startup ConnectMoves.

Considerada como o “Uber” da atividade física, a plataforma tem por objetivo conectar pessoas através de sistemas de geolocalização para praticarem atividades físicas juntas, sendo também uma forma de geração de renda em tempos de recessão para as pessoas que dominam algum esporte ou atividade.

O serviço não pretende competir com personal trainers, mas apresentar uma opção mais prática e econômica para quem busca apenas uma companhia ou motivação para realizar uma caminhada, corrida ou pedalada, por exemplo. Praticar atividade física em companhia de alguém motivado é mais prazeroso, e também permite conhecer novas pessoas.

Disponível atualmente em mais de 26 cidades brasileiras, a startup teve mais de mil solicitações de cadastros nos primeiros dias de funcionamento e pretende estar presente em todos os estados do Brasil em breve. O valor por hora da companhia é de R$ 30,00 em média, sendo que 20% ficam para a ConnectMoves e o restante vai para o bolso do acompanhante.

O aplicativo conta com um programa de fidelidade que soma pontos por cada atividade realizada. O score poderá ser trocado posteriormente por produtos e serviços de saúde. O empreendimento vem de encontro à tendência mundial de compartilhamento de informações e experiências e se espelha na estratégia disruptiva de outros gigantes, como WhatsApp, Airbnb e Uber.